Projetos selecionados

Confira abaixo os projetos selecionados no 1º Edital Divergente Positivo:

AGRO-GYM: PROJETO PILOTO QUE ALIA EXERCÍCIOS FÍSICOS A PRODUÇÃO DE ALIMENTOS

 

Descrição: Propomos a realização de uma maratona de design para o desenvolvimento do projeto piloto da Agro-Gym, uma academia ao ar livre que estimula o exercício físico através da produção de alimentos. A maratona acontecerá na Quebrada Sustentável uma horta e centro de educação ambiental na zona leste. Ela será coordenada pelo nosso grupo e envolverá os membros da comunidade local, estudantes, fazedores mão na massa, para juntos prototiparmos aparelhos que possam auxiliar o trabalho de voluntários na horta através de exercícios. O principal aparelho da academia será a Papa-Galhos, uma trituradora de galhos movida a pedal já prototipada e que ao ser replicada servirá para exercício aeróbico e aumento da produtividade da composteira local. O piloto da academia será instalado na Quebrada Sustentável, aonde serão oferecidas aulas sem custo para grupo de moradores do entorno, com foco em mulheres, crianças e idosos

Local de atuação: Zona Leste, Jardim União Vila Nova

Facebook @saopaulolab

ATELIÊ CENDIRA

Descrição: Cendira, em Tupy, significa irmã, nome escolhido cuidadosamente para representar os laços simbólicos que unem as integrantes e que permeiam as atividades que serão realizadas durante todo o projeto. O Ateliê Cendira é uma colcha de retalhos que junta mulheres, suas artes, suas vidas. Nossa colcha é confeccionada em conjunto, sempre somando mais retalhos de outras pessoas que vêm para aprender e ensinar. Os retalhos desta colcha são nossas iniciativas para uma vida mais íntegra, relações mais justas, consolidando nossa identidade periférica cada vez mais livre das amarras corporativas e da lógica do mercado, da moda e da alimentação, através de pesquisa, produção, comercialização, realização de oficinas, vivências, debates e trocas com a comunidade acerca dos temas permacultura, moda sustentável, vegetarianismo, saúde integral. Em nosso espaço as mulheres produtoras podem usufruir da infraestrutura do local e participar expondo seus produtos ou oferecendo seus serviços nos eventos que organizamos ou somos convidadas a participar. Para manter o espaço, os custos de manutenção e a gestão são divididos de forma igualitária entre as participantes, eliminando a hierarquia e o aluguel.

Local de atuação: Distrito do Jardim São Luiz, bairro Jardim Monte Azul

Facebook @anauecendira

COMUNIDADE EDUCADORA E GÊNERO

Descrição: Buscamos elaborar um panorama da educação brasileira dentro da perspectiva de equidade de gênero e diversidade e, a partir dele, criar um site de apoio às comunidades educadoras com a organização e sistematização de conteúdos sobre essas temáticas, além de referências e ferramentas que possam ser usadas em sala de aula. O propósito é auxiliar os educadores a se aproximarem dos temas e entenderem caminhos para que possam abordá-los dentro e fora de sala de aula de diversas formas, convencionais e não convencionais. O primeiro momento é a fase de mapeamento, baseado em uma imersão de 2 dias em São Paulo, com a participação de cerca de 30 atores ligados à educação de jovens, entre diretores, coordenadores, ativistas, alunos, professores, representantes de ONGs, entre outros – os quais serão cuidadosamente mapeados a fim de que componham um quadro diverso. O segundo momento é a pesquisa, articulação e criação de material relevante sobre as temáticas para compor uma plataforma de apoio aos educadores. A plataforma compreenderá, além do próprio relatório produzido, conteúdo, ferramentas e metodologias que poderão ser usadas por educadores que queiram levantar essas temáticas na escola.

Local de atuação: Pinheiros, São Paulo Capital. O relatório e a plataforma estarão disponíveis e poderão ser acessadas de qualquer região do país.

DONO DO MEU FUTURO: HABILIDADES SOCIOEMOCIONAIS EMPODERANDO VIDAS

Descrição: Quatro amigos podem mudar o mundo? Com certeza! O desafio é enorme: a nossa sociedade está doente. Depressão é a maior causa de morte e incapacidade no mundo, sendo que o Brasil é o líder em depressão da América Latina e o líder em ansiedade no mundo (WHO 2017). Uma a cada cinco crianças tem transtorno mental e 40% dos jovens até 16 anos apresentam pelo menos um transtorno psiquiátrico (WHO 2014). Como mudar essa triste realidade? Aprendendo habilidades socioemocionais! Aprender a ser um bom amigo de si mesmo e dos outros. Aprender a reagir frente as diferentes emoções, saber transformar “pensamentos vermelhos” em “pensamentos verdes”, saber resolver problemas com coragem e se acalmar quando necessário. Com essas habilidades, as pessoas podem florescer a atingirem todo seu potencial. Utilizaremos o método indicado pela Organização Mundial da Saúde, comprovado cientificamente como o melhor para prevenir ansiedade e depressão e melhorar o bem-estar. Beneficiaremos 583 pessoas nas regiões periféricas de São Paulo, além das comunidades adjacentes. Criaremos um modelo que possa ser replicável para promovermos uma mudança sistêmica.

Local de atuação: Vila da Saúde, Caxingui, Paraisópolis, Lauzane Paulista e Jardim Ester. São Paulo, SP.

Facebook @ong.gaiamais

ENCRESPAD@S

Descrição: Os Encrespad@s vêm promovendo, desde 2016, formações em escolas e comunidades, voltadas para jovens, que abordam temáticas étnico-raciais, diversidade de gênero e direitos humanos, utilizando as mais diversas expressões culturais. Atuamos e residimos nos bairros Jd. Vera Cruz e Jd. Horizonte Azul, que ficam no extremo sul da cidade de São Paulo, conhecido como Fundão do M´Boi Mirim – região de alta vulnerabilidade social. É necessário potencializar a discussão e empoderamento da ancestralidade, o empreendedorismo, a criatividade e os movimentos artísticos que constroem reflexões a respeito do cotidiano na “quebrada” e como torná-las mais humana e colaborativa. Sonhamos com mais oportunidades de compartilhamentos para a nossa comunidade, reconhecimento e autosustentabilidade. Queremos uma comunidade que se estabeleça como referência na promoção da cultura de paz. Para isto, são fundamentais recursos que potencializem a nossa e outras iniciativas de grupos, coletivos e jovens.

Local de atuação: Jd. Vera Cruz e Jd. Horizonte Azul, São Paulo, SP

Facebook @encrespados.SP

FEMINISMO COMUNITÁRIO, UMA ALTERNATIVA PRÁTICA PELO FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

 

Descrição: O objetivo do projeto é desnaturalizar a violência contra a mulher e oferecer apoio para as mulheres que estão em situação de violência nas comunidades Real Parque e Jardim Panorama. Vamos aproveitar os interesses e talentos das moradoras para formar uma rede de solidariedade. As ações previstas são: Para prevenção: ciclos de debates, rodas de conversa e ações de Impact Street, como teatro e danças de rua, sempre contextualizando o feminismo com a questão da discriminação racial e social que acontecem de uma maneira especifica na América do Sul; aulas de defesa pessoal focadas em situações vivenciadas nas comunidades e criação de um app que permitirá o cadastro de mulheres das duas comunidades e o envio de alerta e pedido de ajuda confidencial em caso de algum ato de violência contra elas. Para remediação: atendimento psicológico, palestras (vivências) com pessoas que já passaram pelo problema, oficinas para aumento da autoestima e capacitação de mulheres e homens para ajudar os jovens com os relacionamentos abusivos.

Local de atuação: Real Parque e Jardim Panorama. São Paulo, SP

JOVENS PRODUTORES CULTURAIS

Descrição: O projeto é uma vivência de 2 semanas com 30 jovens no contraturno escolar. Durante 10 encontros de 5 horas, o jovem reconhece o universo da produção cultural e da inovação social e se identifica com possibilidades de atuação, desenvolvendo um projeto ou iniciativa que atenda suas necessidades e anseios. Nossa expectativa é desenvolver habilidades de empreendedorismo social e aproximá-los das artes. Ao final da jornada, gostaríamos que iniciativas fossem desenvolvidas, assim como eventos, exposições e projetos de arte. O encerramento é um evento para apresentar os futuros projetos à comunidade, potencializando o ecossistema cultural da região, fortalecendo movimentos e coletivos artísticos que serão protagonistas das transformações sociais em suas comunidades. Por meio de uma aprendizagem dinâmica e dialógica, trabalhamos o consumidor e produtor de arte, o perfil de solucionador de problemas e gestor de projetos. A formação permite o desenvolvimento de habilidades valorizadas pelas organizações, contribuindo para a empregabilidade, e fonte alternativa de geração de renda. O objetivo principal é o fomento a autonomia e o desenvolvimento do produtor cultural que cada um já possui.

Local de atuação: Capão Redondo e Campo Limpo. São Paulo, SP

SALA DO EMPREENDEDOR

Descrição: O projeto “Sala do Empreendedor” – Agência Solano Trindade, consiste na estruturação de uma sala de trabalho dedicada ao empreendedor do distrito do Campo Limpo, periferia da Zona Sul de São Paulo. A sala irá proporcionar o acesso à um ambiente adequado para o empreendedor com equipamento como note book, impressora, projetor e tela, acesso à internet, espaço para reuniões, irá proporcionar um ambiente propício a criação e fortalecimento de network para o desenvolvimento de seu empreendimento. Além da Sala do Empreendedor, iremos realizar ações de formação e acompanhamento sua iniciativa de criação e renda. Os empreendedores em formação serão convidados a participar do Festival Percurso na Feira e Economia Solidária, tornando-se um laboratório onde colocarão em prática os conhecimentos adquiridos no processo de formação.

Local de atuação: Campo Limpo, São Paulo/SP

Facebook @agpopular.trindade

SE JOGA NA HORTA

Descrição: Nos tempos de hoje a rotina corrida e as facilidades trazidas pela industrialização – principalmente dos alimentos – nos distanciou da terra e dos aprendizados que ela nos traz. Sabemos que a educação tem um papel importante em reverter esse ciclo vicioso da industrialização e desconexão com a natureza e com os alimentos. E se queremos reverter essa tendência, devemos olhar principalmente para as futuras gerações: as crianças. O projeto “Se Joga Na Horta” busca resolver a questão da atratividade e sustentabilidade das hortas escolares – problema recorrente nos mais variados tipos de escolas – de uma forma lúdica, inovadora e educativa. Através de um jogo (com personagens, mecânicas, desafios, pontuação, etc) vamos criar uma ferramenta pedagógica para que os professores possam engajar toda a comunidade escolar na transformação do espaço da horta em um ambiente acolhedor e que faça parte do dia-a-dia de todos na escola. Nossa ideia é realizar o protótipo na EMEF Amorim

Lima (por termos mães e pais da escola compondo nosso grupo) e posteriormente disponibilizar o jogo para ser replicado em outras escolas do Brasil.

Local de atuação: Butantã, São Paulo/SP

VERÔNICA LO TURCO GENTILIN

 

Descrição: O Teatro de Contêiner Mungunzá é um Polo Cultural feito de contêineres e intenta, através de atividades gratuitas para moradores do Bairro da Luz, promover a democratização do acesso à cultura e a ressignificação do território. Intentamos fomentar a cultura no entorno e o fortalecimento da economia local, através de atividades culturais voltadas para todo tipo de público atendendo a todas faixas etárias, bem como a contratação de mão de obra local. Por estarmos localizados próximos à Cracolândia, nosso campo de ação acaba se estendendo aos moradores de rua e usuários em fase de redução de danos. Escrevemos esse projeto, no intuito de conseguir um aporte para contemplarmos a demanda infantil. As crianças que frequentam o espaço como lazer são muitas, e gostaríamos de oferecer uma programação infanto-juventil mais completa. Com espetáculos, contação de histórias, oficinas de teatro, artes e capoeira. A programação infantil não tem se sustentado pela bilheteria pois as crianças do entorno não podem pagar e os grupos não podem trabalhar de graça. O espaço já oferece capoeira gratuitamente, mas desejamos aumentar as atividades para esse público. Por isso pleiteamos este aporte.

Local de atuação: Luz e Santa Efigênia. São Paulo/SP

Facebook @CiaMungunzaDeTeatro